sábado, 18 de março de 2017

Love, and Fall In Love...

Qual a diferença entre amar e estar apaixonado? As diferenças são tão pouca que às vezes sentimos uma coisa e achamos que é outra, pelo simples fato de esquecer as diferenças.
O sentimento de estar apaixonado, é estar louco. Depois de conhecer mais um pouco esse alguém nossas vontades e atitudes se descontrolam totalmente. É um sentimento que por ora perdemos nossa racionalidade e nossas emoções ficam explícitas.
Sinônimo, antônimo... OK! Apaixonar-se pode ser considerado sinônimo de entrega total. Se apaixonar é incrível né? Os erros viram acertos, os acertos tornam-se atos admiráveis, o longe passa a ser perto, o cedo se torna a tarde e por aí vai...
Se apaixonar? Se apaixonar é se entregar, é tirar a roupa sem pensar, é aproveitar cada momento como se o mundo fosse desabar. Paixão é agir por impulso, é se sentir atraído às vezes por um outro mundo e deixar o juízo de lado para mergulhar de cabeça nesse outro humano.
Finalmente, se apaixonar é ficar cego, e só depois de pôr fogo em tudo tentar se acalmar e se controlar para manter as chamas acesas.
Viver o presente, absorver o passado e planear o futuro. Amar é simplesmente ter todas as certezas de uma só vez.
Amar é transformar sonhos em realidade, é cuidar, zelar, se preocupar e acima de tudo, proteger. No amor não tem dúvidas e cada briga é um ensinamento.
O amor é você construir laços, envelhecer, ter filhos. Resistir tentações, desavenças, crises, ciúmes e egoísmo.
Amar alguém é você se libertar, é você somar e também é você partilhar. Quando amamos alguém devemos oferecer toda a nossa enorme bagagem de experiência e conhecimento. Amar é você fazer alguém feliz, é se proporcionar e proporcionar ao outro noites de sono tranquilas.
O amor não vai se prender alguém, é ter muitas opções e dentre todas escolher ficar. É trabalhar com paciência. Amar não é um sacrifício, é sentir-se livre.
Quando amamos alguém na maior parte estamos abrindo mão do nosso amor. E isso as vezes pode ser a nossa pior dor.
Amar alguém é precisar desistir, é deixar a pessoa partir, Mas apesar disso continuar a insistir. Amar é ser repetitivo, pode ser mais lágrimas que insistem em descer quanto em assuntos recorrentes.
E finalmente, amar é apoiar, contrariar, brigar, cuidar, ter ciúme. Amar É estender a mão, mas nunca abandonar.
Com isso cheguei a conclusão que eu amo certo alguém. Não posso garantir finais felizes porque aprendi que sentimentos são como o mar, na maior parte das vezes nos seduzem e quando menos pensamos já deixamos a maré nos levar.
E você? Está amando ou está apaixonado?