quinta-feira, 13 de abril de 2017

Você pode ver?

Mais uma noite chega, e eu estou aqui no mesmo local de sempre encarando a lua, de repente uma luz maior, brilhante chamou a minha atenção, era uma estrela cadente, no mesmo momento pensei em você e fiz o que muita gente faria, te pedi ali, comigo, naquele exato momento. Lembrei da nossa musica, sempre cantávamos ela nas nossas ligações madrugada a dentro, nesse momento eu soube que você estava aqui, eu cantei e vi seu rosto na linha do horizonte que insiste em querer nos dividir, mas que de alguma maneira também consegue nos juntar. Daqui consigo ver as estrelas, e olhar cada uma delas, me vem na memória nosso longo estoque de beijos e todos os momentos que estávamos felizes.
Todas as manhãs  eu observo o modo como os horizontes se encontram, todas as luzes que me guiam vão acompanhar você durante toda a noite, eu sei que uma hora os band-aids não vão mais servir e as cicatrizes vão sangrar, mas no fundo nós acreditamos que as estrelas vão nos guiar de volta para casa e a minha casa, é ao seu lado. Minha casa é seu colo. Meu refugio é você.
Eu posso ouvir seu coração nas batias do MP3 todas as vezes que toca "Thinking Out Loud" , eu lembro de nós, dou uma volta no tempo e lembro que estávamos em meio a uma multidão mais meus olhos encontrou você e depois de uma simples conversa, eu olhei em seus olhos e simplesmente me apaixonei.
Peguei na sua mão e dançamos lentamente em meio a uma multidão,não sabíamos muito bem o que fazer ou como agir, mas estávamos sendo tão transparentes que até isso foi suficiente. Eu estava meio perdida em como tudo aquilo tava acontecendo, mas eu sabia por que no fundo tudo me levaria a você.
Abra sua janela. Você consegue ver as estrelas do outro lado? Você consegue sentir meu coração mesmo sem toca-lo? Você consegue me sentir presente mesmo sem eu estar ai? Vamos lá, faça um esforço.
Abra os olhos, veja as cores dos horizontes, sinta as luzes que invadem sua anela, elas vão te mostrar qual caminho seguir para me encontrar no inicio da noite, e quando me encontra, vamos tentar ser aqueles mesmos dois que se encontraram em meio a uma multidão há um tempo atrás.
O meu coração acredita que todas as estrelas vão nos guiar, mas eu me pergunto: Você pode vê-las também ?